Postagem em destaque

ORDENAÇÃO PRESBITERAL

No dia 08 de Dezembro de 2017, Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora, na comunidade Igreja Matriz Sagrada Família, Mococa – SP...

Follow by Email

Inicio » » Eu tenho 43

Eu tenho 43

25 de outubro de 2013

Não faço plágio da canção dos Beatles: “I’m sixty-four” (Eu tenho 64 anos de idade). O fato é que, no último dia 17 de outubro, completei 43 anos de vida sacerdotal, comemorados no Santuário de Nossa Senhora do Loreto. Como religioso barnabita, já se passaram pouco mais de 51 anos.
Tenho o privilégio de ter sido ordenado no dia em que se faz memória de um grande bispo e mártir, Santo Inácio de Antioquia. Ele foi o 3º Bispo desta cidade tão importante para o cristianismo. Usando uma estratégia paulina, na viagem para Roma, onde seria martirizado no Coliseu, entregue às feras, ele aproveitou para evangelizar as comunidades por onde passava. A viagem, naquela época durava meses!
Santo Inácio de Antioquia se intitulou “o trigo de Deus”. De fato, se o grão de trigo que cai na terra não morre, não dará frutos. Seu sangue derramado, e o de tantos mártires dos inícios da Igreja, gerou muitos outros cristãos. Nossa doação sacerdotal deve ser capaz de gerar muitos cristãos para a vida nesse mundo, que é caminho para a vida eterna.
O Evangelho do dia 17 de outubro (ano C) era o trecho de Lucas 11,47-54, em que Jesus está em rota de colisão com os fariseus e mestres da lei: Ai de vós, que sois cúmplices dos que mataram os profetas! Ai de vós que tomastes a chave da ciência, tornando-se os “donos da verdade!”
Eu tenho 43 e 51! Um padre barnabita não pode jamais matar a profecia; deve tornar-se referência na escuta da voz de Deus e espalhá-la por toda parte, até onde Cristo puser o limite (SAMZ, Cartas 5 e 6). Um padre barnabita deve ser não como os mestres da lei do tempo de Jesus, mas deve ter ouvidos de discípulo, que aprende para ensinar aos outros, sem fugir dos contratempos e das perseguições externas e internas (Is 50,4-8), que caracterizam a atual mudança de época .
Eu tenho 43. Aliás, o Pe. Sebastião também tem 43, completados em setembro. Rezem por nós para que sejamos dignos de servir a Deus e ao próximo pelo tempo que Deus quiser.

Pe. Luiz Antônio do Nascimento Pereira, CRSP
Anterior Proxima Página inicial