Postagem em destaque

Profissão Solene do Ir. Lima

No dia 5 de Agosto final de semana passado o nosso caro Ir. Lima deu seu sim definitivo na sua profissão solene, ao passo que o terceiro do...

Follow by Email

Inicio » » Estudo sobre o Evangelho de Lucas 1-4

Estudo sobre o Evangelho de Lucas 1-4

29 de agosto de 2014

O terceiro evangelho (escrito nos anos 70/75) nos apresenta, de maneira bela, a sabedoria dos pobres. De fato é a boa nova proclamada para o pagão, à mulher, ao pobre, ao doente que foi excluído.
Lucas é um pagão convertido ao cristianismo; é muito culto e sábio, um escritor de grande talento. Ele cita muito o AT (septuaginta) e coloca Jesus no centro da história porque é o cumprimento da promessa divina, como especifica em 4,21: “Hoje se cumpriu a Escritura” (Σήμερον πεπλήρωται ἡ γραφὴ).
Os capítulos 1­-2 vão ser denominados o Evangelho da infância de Jesus. Contém a grandeza e novidade de Jesus como “luz e salvação dos povos” (2,30.32.47). O Filho do Altíssimo (υἱὸς ὑψίστου) vai ser a maior revelação do amor de Deus pela humanidade por médio do Espírito Santo (dinamismo de Deus) que agirá em Maria (1,35). Porém, as primeiras testemunhas deste grande evento serão os menosprezados pela sociedade, uns pastores, Isabel, Ana, Simeão, quem estão admirados perante a salvação universal de Deus.
Os primeiros versículos são dedicados a Teófilo “amigo de Deus” (1, 1-4), que poderia ser um alto funcionário pelo adjetivo ilustre (κράτιστε). Mas, no percurso das páginas seguintes, notamos que o escrito é dos pobres e para os pobres que buscam o direito e a justiça à vida.
Nos capítulos 3-4, apresentará a inauguração ou preparação da atividade pública de Jesus. Aparecerá João Batista como profeta escatológico e sua missão será preparar a vinda do Senhor (cf. 1,16). Contudo, Lucas focalizará, posteriormente, no batismo (3,21-22) a descida do Espírito e a proclamação do Filho único (Σὺ εἶ ὁ υἱός μου ὁ ἀγαπητός, ἐν σοὶ εὐδόκησα.), por essa razão, não há tentação que possa manipular a Jesus no deserto.
Em definitiva, o programa de Jesus será o anúncio do Reino de Deus (βασιλεία τοῦ θεοῦ) em toda Palestina (4,42-44). Um Reino que vai ser símbolo do novo “domínio” de Deus no mundo, ao renovar todas as coisas e restabelecer todas as relações com os homens.
Por:





REFERENCIA BIBLIOGRÁFICA
- BÍBLIA de Jerusalém. Nova ed. rev. e ampl. São Paulo: Paulus, 2002, pp. 1786-1794.
- K. Aland, M. Black, C.M. Martini, B.M. Metzger y A. Wikgren, The Greek New Testament, Stuttgart, 1968, pp. 199-319.
- FABRIS, Rinaldo; MAGGIONI, Bruno. Os Evangelhos. São Paulo: Loyola, 2003, pp. 26-60.
- MAZZAROLLO, Isidoro. Lucas. São Paulo: Loyola, 1994, p.11-22.
Anterior Proxima Página inicial